A Greener aborda a sustentabilidade através dos seguintes conceitos.

Economia Circular

Na visão da Economia Circular, materiais, mesmo resíduos, podem ser tratados ou reutilizados para retornarem como insumos ao ciclo de produção ou ciclo de biodegradação continuamente.

Cradle-to-cradle

Cradle-to-cradle (do berço ao berço) é um conceito de inovação com o objetivo de transformar a indústria para criar uma nova Economia Circular, através da criação de co-operações entre fornecedores, produtores, clientes e toda cadeia. Uma nova economia onde materiais seguros e saudáveis retornam ao ciclo produtivo infinitas vezes, eliminando o conceito de lixo e ampliando seu valor como matéria prima. A Greener atua em parceria com EPEA Brasil, representantes oficiais da metodologia Cradle to Cradle® no Brasil.

Upcycling

O Upcycling é o processo de transformar resíduos ou produtos inúteis e descartáveis em novos materiais ou produtos de maior valor, uso ou qualidade. Utiliza materiais no fim de vida útil na mesma forma que ele está no lixo para dar uma nova utilidade. Ou melhora a qualidade do material a cada processo de reciclagem. Como retirar componentes químicos possivelmente nocivos a saúde a longo prazo.   

O objetivo do upcycling é evitar o desperdício de materiais potencialmente úteis. Isso reduz o consumo de novas matérias-primas durante a criação de produtos. Esta redução pode resultar em uma diminuição de consumo de energia, poluição atmosférica, poluição da água e as emissões de gases de efeito estufa.

Comércio Justo

A Greener não possui uma linha de produção de produtos. Trabalhamos numa relação de comércio justo com associações, cooperativas, artesãos localizados em comunidades menos favorecidas que confeccionam produtos socioambientais. Buscamos num primeiro momento gerar renda para comunidades que começam a se organizar, mas que ainda não conseguem chegar ao mercado corporativo. Somos um elo entre comunidades e empresas de qualquer porte.

Ainda dentro deste conceito, temos condições de capacitar à comunidade próxima a sua empresa para que a produção e a renda gerada beneficiem a própria comunidade local.

 O comércio justo (Fair Trade em inglês) procura criar os meios e oportunidades para melhorar as condições de vida e de trabalho dos produtores, especialmente os pequenos produtores desfavorecidos. Sua missão é promover a eqüidade social, a proteção do ambiente e a segurança econômica através do comércio.